Uma câmera na mão e um breve conhecimento na cabeça. Ou quase isso...

Parafraseando Glauber Rocha:"Uma câmera na mão e um breve conhecimento na cabeça". Ou quase isso.../Desde Fevereiro de 2015.

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

FREJAT SAI DA BANDA BARÃO VERMELHO E RODRIGO SURICATO ENTRA EM SEU LUGAR

         A música brasileira, mais precisamente o rock nacional acordou na Terça Feira dia 17 de Janeiro de 2017 com a notícia de mais uma separação entre banda e integrante fundador: anunciada a saída do vocalista, compositor e guitarrista Roberto Frejat do Barão Vermelho.
       Rodrigo Suricato (vocal e guitarra) é o substituto escolhido para assumir a vaga aberta na tradicional banda oitentista. O vocalista da banda Suricato conhecida após participação no reality show musical da Rede Globo Superstar, usou uma rede social para emitir um texto relatando a felicidade do convite e respeito pela história do Barão que já teve Cazuza e Frejat como vocalistas e que permanecerá em sua banda de origem. Frejat também emitiu uma nota afirmando que sua história como integrante do Barão chegou ao fim e que apesar de visões diferentes em relação aos pensamentos dos outros membros da banda, em nenhum momento iria prejudicá-los. A nova formação da banda tem shows previstos para acontecer a partir do mês de Maio deste ano.
     Em um primeiro momento é estranho aceitar que um dos fundadores não estará mais a frente do grupo. Fica a sensação inicial que tudo está acabado. E que não é mais possível à continuidade dos trabalhos como turnês, shows, novos discos, entrevistas.
    Mas a ideia de prosseguimento do Barão Vermelho é muito boa. A banda possui um repertório de respeito e os seus fãs estão sempre na expectativa que o grupo retorne efetivamente para a estrada.  E de certa forma é uma espécie de renovação da banda e solução para objetivos distintos. Roberto Frejat tem a intenção de permanecer em carreira solo e o quarteto remanescente: Guto  Goffi, Maurício Barros, Fernando Magalhães e Rodrigo Santos mantêm o desejo e o fôlego de seguir com a banda, agora sem os períodos de interrupção.
   Então que ambos sejam felizes em seus novos projetos.
   A música brasileira agradece!

Foto Léo Martins